/Celebração do Dia da Região Autónoma da Madeira e das Comunidades Madeirenses na cidade de Durban

Celebração do Dia da Região Autónoma da Madeira e das Comunidades Madeirenses na cidade de Durban

No penúltimo domingo, dia 30 de Junho, foi mais um dia de festa para os membros da nossa comunidade, assim como familiares e amigos, que celebraram o Dia da Região Autónoma da Madeira e das Comunidades Madeiren-ses em Durban.

Foi em 1989 que estas celebrações foram iniciadas na África do Sul, pela Representação da Comunidade Madeirense de Durban e que se têm espalhado pelas principais cidades deste país, nos últimos 30 anos.

Numa secção do salão da APKZN foi feito “o cantinho da Madeira” onde foi erguida uma casa típica de Santana, uma grande variedade de flores de cores e perfumes variados, assim como uma exibição de fotografias, de bordados da Madeira e vegetais que são cultivados na ilha.

O clima estava ideal e muitas pessoas começaram a chegar por volta das 11 horas. Pois a maior atracção é devido à gastronomia tipicamente madeirense, assim como ao entretinemento que consistiu de música e dança regional. Mais de quatro centenas de pessoas participaram nesta festa, ultrapassando as expectativas dos organizadores.

Pela manhã as várias barraquinhas no salão e esplanada foram feitas e a preparação da comida iniciou-se imediatamente, sendo servida mais tarde.

Tradicional e típica espetada com carne tenra, macia e suculenta. A carne vinha d’alhos que era frita na ocasião e servida em sandes. Bifes de atum com o molho de vilão. Claro que não faltou o bolo do caco que é um pão de trigo tradicional da Madeira. Havia pratos portugueses, bacalhau, feijoada, frangos grelhados à piri piri, rissóis, pregos, bifanas, pastéis de nata, cavacas, e uma variedade de bolos.

O entretenimento e música esteve a cargo de Dave Marais, satisfazendo todos os presentes.

Pelas 14h30 o Rancho Folclórico Regiões de Portugal e da APN exibiu-se, não faltando o bailinho, a dança típica mais conhecida na ilha. Todos os elementos vestidos com o traje regional, incluindo várias crianças, que já se integram no rancho.

O presidente da Representação da Comunidade Madeirense de Durban, João de Gouveia, agradeceu ao presidente e membros da Direcção da APKZN o uso das instala-ções, aos presentes pela participação, patrocionadores e todos que tomaram parte e contribuiram para estas celebrações.

Reafirmou que estas festividades iniciaram-se em 1989 “e que temos conseguido mantê-las e celebra-las neste dia”. Fez votos para que se dê continuidade afim de não se esquecer a Madeira e desejou a todos uma tarde de muita alegria, animação e paz. Em seguida leu uma mensagem do presidente do Governo Regional da Madeira, Miguel Albuquerque:

“Na passagem do Dia da Região Autónoma da Madeira, saúdo vivamente as Comunidades Madeirenses espalhadas pelo mundo e faço votos para que realize as aspirações de todos e cada um dos nossos conterrâneos, que um dia decidiram estabelecer as suas vidas noutras paragens.

Saúdo muito especialmente todos os Conselheiros da Diáspora Madeirense, bem como todos quanto emprestam a sua competência, em associações e clubes madeirenses e portugueses, para a divulgação das nossas tradições e o fomento da união e da solidariedade entre as comunidades em que se inserem.

É muito importante que consigamos manter fortes os laços entre todos os Madeirenses, independentemente do local onde vivam, bem como que as gerações de descendentes dos emigrantes mantenham relações profícuas com a Terra dos seus antepassados, área em que continuaremos a desenvolver trabalho concreto.

As Comunidades Madeirenses espalhadas pelo mundo são uma referência muito importante, para todos os que recolhem das suas experiências o exemplo da luta abnegada pela conquista de uma vida melhor que continuamos a construir na nossa Terra”.

Fonte o Século de Joanesburgo